Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro

 

Porto Velho,  qui,   17/agosto/2017     
artigos

A alegre revoada dos deputados para Foz vai ser paga pelos contribuintes

01/06/2017 10:04:03
Gessi Taborda
Comente     versão para impressão     mandar para um amigo    

 



Clique para ampliar

FILOSOFANDO

Que o teu corpo não seja a primeira cova do seu esqueleto.JEAN GIRAUDOUX (1882/1944), foi o primeiro escritor da França condecorado com a Legião de Honra da Guerra. Depois de alcançar, como dramaturgo, fama internacional, destacou-se por conseguir subsídios a pintores, escultores, gravadores, escritores e músicos da França.

 

OBRA TERMINADA

Os moradores do Bairro Cuniã estão mais do que felizes com o novo prefeito de Porto Velho. Motivo: Hildon Chaves terminou ontem o asfaltamento das ruas daquele bairro da zona leste. A última etapa daquela obra começou na semana passada nas ruas Marineide, Massangana, Ruth e Fabiana. Segundo disse Tiago Beber, subsecretário de asfaltamento, os moradores esperavam pelo asfalto havia 30 anos, mas só a gestão do prefeito dr Hildon Chaves conseguiu realizar esse sonho.

 

SEM FORÇA

Sintomático o resultado da queda de braço travada entre o presidente Michel Temer e Renan Calheiros. Temer deu ultimato aos senadores do PMDB: tinham até terça para destituir Renan Calheiros da liderança do partido no Senado. Renan continua líder e deve estar rindo à toa. Temer amarga mais uma derrota, o que demonstra o seu enfraquecimento até dentro do seu partido.

 

COSTURAS

Na terça feira Pedro Teixeira andou por vários gabinetes da Assembleia. Deve estar costurando algum arranjo político. Por anos a fio Pedro foi o mais badalado comandante do Sebrae em Rondônia. Deixou o cargo quando seu nome foi envolvido num escândalo de corrupção que até hoje ainda não foi completamente solucionado. Muito bem articulado no meio empresarial, certamente Pedro tem muito a ensinar a qualquer parlamentar as mumunhas de cooptação de lideranças desse setor.

 

ENGAJAMENTO

Considerando a indicação como candidato ao governo do estado pelo PMDB seu maior projeto, o deputado Maurão de Carvalho precisa demonstrar que já tem grandes engajamentos para a campanha de 2018. Não basta simplesmente manter a rotina de uma agenda recheada de viagens pelo Estado. Até agora, as palavras ditas pelo cacique do PMDB, o senador Valdir Raupp, não passam de promessa vaga de apoio.

 

PÁ DE CAL

Nem a enorme afinidade do presidente da Assembleia com o governador Confúcio Moura – que será homenageado pelo parlamento por iniciativa de Maurão – garante o sonho de Maurão ser candidato ao governo. O deputado viveu essa decepção com Ivo Cassol, com quem sempre contou ao longo de sua vida pública. Para quem vê (de fora) o cenário eleitoral sendo montado e não observa nenhum esforço dentro do PMDB para turbinar o deputado. O desfecho será, pelo visto, a pá de cal nos sonhos de Poder do deputado Maurão de Carvalho.

 

PIOR DO SENADO

Ao ser classificado pelo “Congresso em Foco” como o pior integrante do Senado nessa legislatura, Ivo Cassol ficou ainda mais exposto na linha de tiro das investigações e inquéritos sobre os pagamentos de propina das empreiteiras e da JBS. Suas mais recentes trombadas com combatentes anti-corrupção amplia o isolamento do Senador no mundo político rondoniense. Depois que passou a ser chamado em certos círculos de “Maçaranduba” passou a figurar como bola da vez na caçapa da Lava Jato.

 

RIBALTA DECADENTE

Não é novidade alguma de que o parlamento estadual vive seu maior momento de decadência. Tornou-se um palco de homenagens ocas, com a distribuição de diplomas de honra ao mérito (?) especialmente para categorias específicas, como a de Segurança Pública, alvo principal de deputados egressos desse sistema. Os “mganhas” são laureados pelo simples fato de cumprir com suas obrigações de servidores públicos.

 

FARDADOS & ARMADOS

Ontem a Assembleia estava lotada de agentes de trânsito. Eles tomaram os espaços do legislativo fardados e armados. Pelo menos na Assembleia rondoniense a normas regimentais – que proíbem o acesso de policiais armados – não são observadas. Fora essas homenagens despropositadas, a Assembleia adotou como prioridade as “audiências públicas” capazes de discutir até o sexo dos anjos. Poucas realmente atraem o interesse da população. A maioria é realizada num ambiente totalmente vazio, desprestigiado.

 

FALTANDO

O parlamento rondoniense já foi local de grandes debates sobre grandes problemas da população rondoniense. Isso fazia da instituição um local importante e representativo da população. Agora a história é outra.

Faltam vozes de sensatez capazes de atrair as convicções da sociedade. Política depende essencialmente da capacidade dos que se acham preparados para mandar e convencer a população de suas ideias e sobretudo de sua capacidade de pô-las em prática.

 

IRRELEVANTES

Sem conectividade com o mundo real, sem repercutir os graves problemas do Brasil e do Estado, especialmente os ligados à decadência moral e ética dos políticos, a atuação parlamentar de forma engessada e quase irrelevante para os cidadãos-contribuintes-eleitores.

 

CONGRESSO DA UNALE

Enquanto por aqui os deputados preferem as manifestações pouco relevantes, a maioria agora está animada para a grande revoada programada para o início desse Junho até a cidade de Foz do Iguaçu, um dos mais procurados destinos turísticos do Brasil. Vão participar do Congresso da Unale. Vai custar uma montanha de dinheiro mas, tudo bem, afinal quem paga somos nós, o povo. Lá em Foz os deputados prometem que vão “debater os cenários do Brasil”.



Nenhum comentário sobre esta matéria

Mais Notícias
Publicidade: