Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro

 

Porto Velho,  qua,   20/janeiro/2021     
reportagem

Construção de usina e eclusas no Rio Madeira são barradas por Dilma

22/1/2012 17:26:30
Por TudoRondonia
Comente     versão para impressão     mandar para um amigo    

 


 
A implantação da usina hidrelétrica do Ribeirão, no Rio Madeira, região de Nova Mamoré, prevista no Plano Plurianual (PPA) 2012/2015, foi cortada pela presidente Dilma Rousseff (PT).

A proposta de construção da terceira usina em Rondônia foi aprovada em dezembro pelo Congresso Nacional e é fruto de uma negociação da coordenadora da bancada federal rondoniense, deputada federal Marinha Raupp (PMDB). A parlamentar havia garantido no PPA R$ 10 bilhões para o projeto.

Outro corte anunciado por Dilma foi a eclusa no Rio Madeira, proposta também da parlamentar e aprovada no PPA. Os cortes anunciados por Dilma chegam a R$ 35,7 bilhões. A previsão orçamentária do PPA é de R$ 5,4 trilhões, sendo R$ 102 bilhões direcionados para emendas parlamentares.

O Estado do Amazonas também foi afetado com a caneta da presidente. A construção de uma ponte para interligar a BR-319 à rodovia AM-070, também foi barrada pelo Palácio do Planalto, sob alegação que o investimento não passou por uma consulta prévia do Governo Federal. Agora caberá ao Senado derrubar ou manter o veto presidencial.



Nenhum comentário sobre esta matéria

Mais Notícias
Publicidade: