Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro

 

Porto Velho,  seg,   25/maio/2020     
reportagem

Telefonia: Claro mantém liderança na adição de clientes

26/7/2010 08:12:26
 
Comente     versão para impressão     mandar para um amigo    



Entre as empresas da América Móvil, o Brasil adicionou o maior número de novos clientes, mas em crescimento relativo o Chile liderou. 


 
O Brasil, onde a América Móvil opera com a marca Claro, foi o primeiro lugar em adições de novos clientes no segundo trimestre de 2010, com 1,3 milhões de assinantes acrescidos na base. O país foi seguido pelo México, que adicionou 1 milhão de novos usuários e pela Argentina, com 501 mil novos assinantes. No total, A América Móvil, maior operadora de telefonia celular na América Latina, conquistou 4,9 milhões de clientes no trimestre, encerrado em junho com 211,3 milhões de assinantes.

Apesar de liderar no volume, o Brasil não teve o mesmo crescimento de outros países. O crescimento mais acelerado em termos relativo foi no Chile e nos Estados Unidos, com mais 27% ano a ano, seguido pelo Peru, com 17,8% e Brasil com 15,8%.

A base de assinantes da Claro alcançou 46,902 milhões de assinantes (em junho de 2010 eram 40,486 milhões de clientes) e a receita no trimestre cresceu 3,5% em relação a igual período do ano anterior, alcançando R$ 2,9 bilhões; as receitas de serviços aumentaram 4,3%, impulsionadas pelos serviços de dados, que expandiram 44,1%. O Arpu (receita média do usuário) caiu 9,8%, mas o MOU (minutos de uso) aumentou 27,9%, para 93 minutos. O lucro EBITDA (antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) da Claro ficou em R$ 762 milhões, um aumento de 4,9% ano a ano e a margem EBITDA foi de 26,3% , um ligeiro aumento em relação aos 25,9% do segundo trimestre de 2009.



Nenhum comentário sobre esta matéria

Mais Notícias
Publicidade: