Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro

 

Porto Velho,  ter,   17/setembro/2019     
política

Cabide de empregos na prefeitura deverá ficar maior

29/8/2009 15:16:14
 
Comente     versão para impressão     mandar para um amigo    



O alerta foi dado pela vereadora Elis Regina, do PCdoB. 


 

Já começou a tramitar pelas comissões da Câmara Municipal mais mensagem do Executivo voltada para a manutenção da desenfreada farra de criar cargos em comissão, que se agravou na gestão do PT à frente da prefeitura da capital. Como o assunto está cercado de mistérios, a matéria foi lida em plenário sem a informação de quantos cargos deverão ser criados para a nomeação, sem concurso, de pessoas ligadas aos atuais “donos do poder”.

Por outro lado, de acordo com observação da mesma vereadora, ainda estamos longe das medidas saneadoras que deverão advir um dia, para corrigir o escândalo dessa gestão que praticamente dobrou o número de secretarias, inchando e aparelhando a máquina administrativa, onde os apadrinhados e donos do melhor QI (Quem Indica) têm os cargos mais bem remunerados.

A vereadora Elis Regina, sindicalista que representa exatamente os servidores públicos municipais de Porto Velho, tem se mostrado vigilante e não deixa de cobrar do Executivo “mais responsabilidade na gestão do pessoal”, mas ela mesma reconhece que é muito difícil acabar com a farra das nomeações dentro de um governo que partidariza a máquina e as nomeações para os melhores e mais gratificados cargos.

PROCURADORES

O prefeito Roberto Sobrinho tem a seu favor a maioria da Câmara, exatamente como foi na legislatura passada, quando apenas dois vereadores demonstravam um pouco de resistência aos desígnios do prefeito. Praticamente a totalidade daqueles parlamentares (com exceção de três nomes) foram apeados da vida pública pelo eleitorado.

Para quem é atento aos números, a vereadora Elis Regina acabou fazendo uma revelação que mostra o tamanho da farra e do aumento do cabide. Segundo ela, com a proposta enviada à Câmara, o prefeito quer aumentar o já absurdo número de 35 procuradores para 50. E de acordo com a observação do próprio presidente da Câmara Municipal, o vereador José Hermínio (do partido do prefeito), os procuradores da prefeitura de Porto Velho estão entre os mais bem pagos do Brasil, ou seja, ganham uma bufunfa imensa, acima de R$ 16.510,00.

Mas a aberração maior, explicou em seu discurso a vereadora, “é que recentemente o prefeito reduziu salários de categorias como o pessoal da saúde, retirou conquistas que os servidores conseguiram em 1994 e capitanea uma política de achatamento salarial dos servidores de nível técnico.

A vereadora destacou também que “os servidores municipais da saúde” estão sinalizando para breve um movimento grevista, diante de uma insatisfação crescente com a política de pessoal exercida pelo prefeito Roberto Sobrinho.




Comentários (1)
TRAIRAM SUA DANDEIRA DE LUTA(EDUCAÇÃO)

PARA EDUCAÇÃO CONSEGUIMOS UMA MISÉRIA MAS PRA OUTRAS CATEGORIA TEM DINHEIRO SOBRANDO.NÓS SENTIMOS TRAIDOS.

JOELSON CHAVES DE QUEIROZ - porto velho/ RO.
Enviado em: 1/9/2009 06:59:32  [IP: 189.10.127.***]
Responda a este comentário

Mais Notícias
Publicidade: