Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro

 

Porto Velho,  ter,   10/dezembro/2019     
política

Projeto de Raupp vai permitir maior concorrência na aviação

9/6/2009 21:57:57
 
Comente     versão para impressão     mandar para um amigo    



O projeto de lei foi aprovado na CAE, do Senado, e seguirá para a Comissão de Constituição e Justiça. 


 

O projeto de lei de autoria do Senador Valdir Raupp altera o Código Brasileiro de Aeronáutica permitindo que empresas aéreas possa prestar serviços  de transporte aéreo doméstico entre pontos de escola de linhas internacionais. O projeto também eleva de 20% para 49% a parcela do capital estrangeira nas empresas aéreas nacionais.

O senador Raupp justifica que a crise por que tem passado a aviação nacional  nos últimos anos resultou na cessação de atividades  de algumas das mais tradicionais  empresas áreas brasileiras.  “A presente proposição visa ampliar a oferta de transporte aéreo mediante a alteração do Código Brasileiro de Aeronáutica”, disse.

Quanto a ampliação do capital estrangeiro nas empresas aéreas nacionais, o senador revelou que a limitação de 20% cumpre apenas um papel de reserva de mercado, e que a própria Constituição não abriga mais o conceito de “empresa brasileira de capital nacional”.

Raupp informou que com a aprovação do projeto, a oferta de assentos domésticos pode ser ampliada, aproveitando-se a capacidade ociosa das aeronaves que operam rotas internacionais. Atualmente, somente as empresas brasileiras podem oferecer serviços de transportes ligando pontos de escala situados em território nacional.

As empresas estrangeiras são proibidas de oferecer serviços domésticos. “O meu projeto estabelece tratamento isonômico entre as empresas nacionais e estrangeiras  nos trechos domésticos de linhas internacionais”, frisou o senador.




Nenhum comentário sobre esta matéria

Mais Notícias
Publicidade: