Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro

 

Porto Velho,  sex,   23/agosto/2019     
reportagem

Partidários de Roberto Sobrinho tentam barrar distribuição de Imprensa Popular

30/9/2008 00:08:59
Por Aldrin Willy
Comente     versão para impressão     mandar para um amigo    



Grupo roubou jornais e ameaçou coordenador da equipe de distribuição. 



Clique para ampliar
O jornal Imprensa Popular sofreu na noite de sábado (27) uma tentativa de intimidação por parte de correligionários do prefeito e candidato à reeleição Roberto Sobrinho (PT). Por volta das 21h30, um grupo formado por oito homens cercou o coordenador da equipe de distribuição do jornal, João Paulo dos Santos. Encurralado por oito brutamontes, Santos teve os jornais que carregava roubados e foi ameaçado. “Me disseram que se eu continuasse a distribuir os jornais, eles iriam me pegar”, conta.

O ataque surgiu após o coordenador ter recusado a proposta feita por um homem baixo, de bigode espichado, que queria pagar-lhe em troca de todos os jornais que carregava. “O homem me perguntou um monte de coisa e depois perguntou se eu não queria ganhar alguma coisa em troca de todos os jornais que seriam distribuídos. Logo depois que recusei a oferta, uma pick-up S10 prata parou à minha frente, de onde desceram oito capangas”.

João Paulo dos Santos conta que assim que o bando o cercou, tomaram-lhe os jornais que tinha à mão e disseram: “Esse jornal aqui vive batendo no prefeito... Não pode circular, não.” Santos disse que tentou então acalmar o bando, a fim de tentar se esquivar. “Eles então me soltaram e disseram que se eu não cessasse a distribuição, iriam me pegar”, contou.


HISTÓRICO

Em seus quase quatro anos à frente da prefeitura, o prefeito Roberto Sobrinho tem mostrado um teor autoritário na relação que tem com a imprensa. O mais recente incidente, que corrobora essa constatação, foi a agressão desferida contra o jornalista Paulo Andreoli, diretor do site jornalístico Rondônia ao vivo. No dia 28 de maio último, durante a “caminhada do Dia do Desafio”, Andreoli perguntou ao prefeito quem teria pago pela confecção de banners eleitoreiros, que elogiavam Sobrinho pelas obras na cidade. O prefeito simplesmente partiu para cima do repórter, dizendo “foi você, seu filho da puta”. O incidente foi todo gravado pela equipe de reportagem e serve de prova na ação que Andreoli move contra o prefeito Roberto Sobrinho.


Nenhum comentário sobre esta matéria

Mais Notícias
Publicidade: