Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro

 

Porto Velho,  seg,   18/novembro/2019     
cidades

Advogados terão identificação usando a tecnologia do RIC

26/7/2008 11:01:34
 
Comente     versão para impressão     mandar para um amigo    



A nova tecnologia oferece toda a segurança necessária contra fraudes pois a carteira do advogado será gravada a laser. 


 Mais de 150 mil Advogados de todo o Brasil são os primeiros brasileiros a terem sua carteira de identificação profissional com a mesma tecnologia que será adotada pelo governo federal no RIC, Registro de Identidade Civil.

A nova carteira dos advogados é fabricada pela GD Burti e que evita fraude em documentos e pode durar mais de 10 anos. “A OAB escolheu esta nova tecnologia para ser adotada na nova carteira de identificação de seus advogados associados porque ela oferece toda a segurança necessária contra fraudes e mais resistência à ação do tempo, além de ser toda gravada a laser, no interior de suas camadas”, comenta Márcio Lambert, presidente da GD Burti.

Segundo Lambert, a GD Burti foi escolhida para este projeto porque a empresa possui forte experiência no fornecimento de tecnologia de segurança em cartões inteligentes para a segurança em transações bancárias, identificação e autenticação e porque vem investindo no desenvolvimento de novas soluções que aumentem o nível de segurança e possam combater as fraudes documentais. “Foram realizadas todas as análises técnicas para adequar a tecnologia às necessidades da OAB, que tinha como meta possibilitar a maior segurança e durabilidade para a nova identidade dos Advogados e a novo documento possui os mais modernos itens de segurança, além de um chip microprocessador, apto a receber o armazenamento de informações, certificado digital e outras aplicações”, acrescenta.

CADASTRO NOVO

Até 2017 todo cidadão brasileiro deverá um novo documento de identificação civil baseado em um cartão em policarbonato dotado de um smart card que armazenará informações da pessoa, incluindo identificação de RG. CPF, Titulo Eleitoral, carteira de motorista, informações judiciais, civis, previdência social entre outras.

A proposta do novo RIC, Registro de Identidade Civil (RIC) é integrar os diversos órgãos do Sistema de Identificação do Brasil foi discutida durante o Encontro Nacional de Identificação, encerrado em 11/07, promovido pelo Ministério da Justiça e o Departamento de Polícia Federal, com apoio da indústria e da GD Burti. O cartão RIC não irá acabar com outros documentos existentes, mas deverá agregar informações e possibilitar sua utilização nos órgão públicos.

O RIC terá diversos itens de segurança e impressos com tecnologia a laser que irão dificultar tentativas de fraudes a partir de adulteração a partir da ação de produtos químicos. O smart card será responsável por armazenar os dados biométricos e permitir o uso da certificação digital durante a identificação do cidadão na utilização de serviços públicos e privados, incluindo via meios eletrônicos e Internet.

Durante o evento Marcos Elias de Araújo, diretor do Instituto Nacional de Identificação, revelou que em Janeiro do ano que vem terá inicio o cadastramento e a emissão do documento com o número RIC para 2 milhões de cidadãos. Ele prevê que em 2010 mais 8 milhões de pessoas já terão o RIC e partir do ano seguinte outras 80 mil pessoas passarão a ser cadastradas diariamente na nova modalidade de identificação. A meta é cadastrar 20 milhões de cidadãos por ano.

Esta nova tecnologia que será adotada para o RIC já vem sendo adotada em vários países da Europa em carteiras de identidade, passaportes e cartões de identificação pessoal em empresas o case da OAB é um exemplo concreto do que ela permite em termos de segurança e funcionalidade.


Nenhum comentário sobre esta matéria

Mais Notícias
Publicidade: