Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro

 

Porto Velho,  sáb,   7/dezembro/2019     
reportagem

Ameron comprova preocupação com o social, inaugurando nova unidade

18/4/2005 14:47:04
Por Imprensa Popular
Comente     versão para impressão     mandar para um amigo    



Ao completar 16 anos de fundação, o Grupo Ameron de saúde inaugura uma unidade especializada em ortopedia e traumatologia, reafirmando seu compromisso com a medicina social, ampliando sua capacidade de atendimento pelo SUS. 



Clique para ampliar

Ao completar 16 anos de fundação, o Grupo Ameron de Saúde, empresa responsável pelo único Plano de Saúde genuinamente rondoniense, cria mais uma unidade de atendimento especializado sem afastar-se de sua política de compromisso com o atendimento social à comunidade, através do SUS. Seguindo a vocação de seu fundador, o médico Paulo Brito, a Ameron continuará sendo a única empresa privada de saúde de Rondônia que não tem apenas o objetivo do lucro. A nova unidade – onde pacientes terão atendimento clínico completo em ortopedia, traumatologia e fisioterapia – vai propiciar aos pacientes do SUS o mesmo atendimento destinado aos detentores de planos de saúde da própria Ameron, ou àqueles que buscam atendimento na rede privada, pagando muitas vezes um preço que está acima das possibilidades da maioria da população.

“Nosso grupo privado de saúde nasceu da tenacidade de profissionais que resolveram encarar o desafio de implantar em Rondônia um serviço de saúde de alta qualidade, que gerencia um Plano de Saúde local, sem perder o vínculo com aquela prestação de serviços de saúde inserida dentro do compromisso social que sempre advogamos”, disse à Imprensa Popular, no momento em que a nova unidade (localizada na Avenida Governador Jorge Teixeira) era inaugurada, o dr. Paulo Brito.

Tratado carinhosamente como dr. Paulinho, o médico explicou que “a Ameron cresceu muito, tem um gerenciamento moderno dando suporte não só aos Planos de Saúde mas a uma rede que engloba hospitais de alta complexidade, clínicas, ambulatórios e até farmácia, sem perder a sua característica familiar”. E a “família Ameron”, acentuou Paulinho, tem buscado contribuir “atendendo o público em geral, pelo sistema SUS, nos esforços para superar a precariedade do atendimento inerente à rede pública do Estado e do Município”.

DOIS TURNOS

A inauguração dessa nova clínica de atendimento na área de traumatologia, ortopedia e fisioterapia para atendimento a pacientes do SUS, particulares, do Plano Ameron e de conveniados, foi prestigiada com a presença do governador do Estado, Ivo Cassol. Dotada de equipamentos de última geração – inclusive com aparelhos de Raio-X – a nova clínica em entrou em operação com funcionamento em dois turnos, para prestar de imediato até 100 atendimentos dia, na parte ambulatorial.

Os casos cirúrgicos mais agudos, como explicaram o dr.Paulo e dr. Alexandre Brito (também diretor da Ameron), serão atendido no Hospital Panamericano, que fica na avenida Calama. A nova clínica (e ambulatório) inaugurada pela Ameron será dirigida pelo médico Luciel Boaventura, vindo especialmente do Rio de Janeiro para assumir o cargo.

QUESTÃO FILOSÓFICA

Enquanto as clínicas e hospitais da rede privada evitam atender pacientes do sistema SUS (na maioria pobres), a Ameron se orgulha de ser credenciada por este sistema que hoje não paga menos de R$ 8 reais por atendimento. Isso, explicou o dr. Paulinho, “é uma questão de filosofia da família Ameron, pois nós viemos de uma classe não privilegiada e entendemos que precisamos dar essa contribuição à sociedade”.

O dr. Paulo não vê contradição nessa postura, como explica: “Embora eu seja um empresário da área de saúde, interessado em ver mais pessoas adquirindo um Plano de Saúde, principalmente o operado por nós, somos antes de tudo médicos, preocupados com a qualidade da prestação de serviços de saúde à população em geral. Os pacientes do SUS atendidos na rede Ameron têm um tratamento assemelhado àqueles detentores de planos de saúde, tanto na parte ambulatorial como hospitalar, tanto no nosso hospital especializado no atendimento à mulheres e crianças, que fica na Carlos Gomes, como no Hospital Panamericano, que fica na Avenida Calama. O grupo Ameron deverá ampliar ainda mais suas atividades, pois este é um projeto de longo prazo que pretendemos executar. E tudo isso mantendo essa filosofia de 16 anos da família Ameron aqui em Rondônia”, finalizou.

Fotos: Aldrin Willy




Nenhum comentário sobre esta matéria

Mais Notícias
Publicidade: