Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro


 

Porto Velho,  ter,   22/outubro/2019     
COLUNISTA: Gessi Taborda

Em Linhas Gerais

16/2/2011 16:49:03
taborda@enter-net.com.br
 
  

DESCALABRO

Apesar dos milhões de reais despejados na atual administração municipal de Porto Velho pelos consórcios construtores do complexo das hidrelétricas do rio Madeira, é visível a situação de descalabro jamais imaginada na história da cidade. Parece que o vírus da corrupção se espalha pelos vários setores da administração pública, com destaque no segmento de obras públicas. O mar de lama é facilmente perceptível e deve sobreviver graças às conexões políticas que simplesmente eliminou da cidade qualquer vestígio de oposição ao atual alcaide. Aos olhos do povão são claras as evidências de que nunca se viu tanta roubalheira em Porto Velho e nem assim as instituições de defesa da boa aplicação dos recursos públicos demonstram vontade em por fim à bandalheira destinada a enriquecer uns poucos “donos” do Poder que vivem no bem bom enquanto o povo geme no sofrimento.

Há muito tempo este repórter denuncia a sucessão de ações de corrupção no âmbito do poder municipal. Ações quase sempre ignoradas e camufladas pela chamada imprensa amestrada, aquela que recebe os milhares de reais da conta de publicidade paga com o dinheiro do contribuinte.

Parece que denúncias como os milhões torrados em obras que nunca terminaram e outras que nunca foram feitas são simplesmente jogadas nas gavetas do TCE ou do MP enquanto na Câmara Municipal uma grande maioria de vereadores finge que nada está acontecendo.

Num quadro tenebroso como esse é fácil entender porque o até recentemente pobretão do prefeito entrou definitivamente no rol dos muito ricos e adotou como rotina curtir férias em paraísos turísticos da Europa, numa “dolce vita” que ele próprio jamais imaginou.

Segundo consta o prefeito da capital rondoniense é daqueles que gosta de deixar tudo correr frouxo. Deve ser por isso que chegando ao final do segundo mandato ainda não conseguiu terminar a chamada “Feira dos Produtores”, nas proximidades do “Cai N’água”, mesmo depois de torrar milhões naquele engodo.

Agora o povo espera, mais vez, uma reflexão responsável dos vereadores que deram início ontem a mais um período legislativo, agindo como verdadeiros representantes do povo, tomando posições contra essa farra da autoridade municipal dando a idéia de que tudo está liberado.

Não dá  para tolerar mais instituições nas quais o povo deposita esperanças continuar batendo palmas para os abusos praticados pela administração pública na saúde, no transporte coletivo, na urbanização das praças, nas obras habitacionais paralisadas, nas obras viárias transformadas em elefantes brancos, etc, etc.

A chamada grande mídia quer porque quer proteger o burgo-mestre mas a esculhambação é tanta que há como tapar o sol com a peneira. Se a impunidade não fosse uma constante por estas bandas do Brasil, certamente gente como o prefeito morreria de medo com o previsível epílogo de sua lamentável gestão no próximo ano. Mas esta aparente crise moral que determina a impunidade deve levar o alcaide a acreditar que ao deixar o poder vai poder curtir a vida nababescamente sem jamais ser assombrado pelos tempos em que tinha de viver apenas com o salário de barnabé.

PRAZO FINAL

Termina hoje o período de inscrições para o maior prêmio do Design Brasileiro, o IDEA/Brasil 2011, organizado pela Associação Objeto Brasil e da Apex-Brasil, em parceria com o SEBRAE, ABDI e CNPq. Designers, estudantes, profissionais e empresas podem cadastrar os seus produtos e projetos que concorrerão em 19 categorias diferentes pelas distinções Ouro, Prata e Bronze. Para participar do prêmio, o trabalho deve ter sido colocado em distribuição comercial no Brasil entre os dias 6 de fevereiro de 2009 e 6 de fevereiro de 2011. Isto significa que o produto deve estar disponível, na sua forma definitiva, para venda ao usuário final durante aquele período. O regulamento do IDEA/BRASIL 2011 está disponível no site www.ideabrasil.com.br onde os interessados podem fazer a inscrição. 

NAS ALTURAS

Vai depender do resultado de uma reunião, prevista para próxima sexta-feira, os rumos que irá tomar o movimento dos conselheiros do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia para aumentar ainda mais os vencimentos dos integrantes do Olimpo daquela instituição. Num momento em que a cúpula do poder brasileiro pressiona o Congresso para manter o salário mínimo o mais mínimo possível, esses rondonienses especiais querem ver seus rendimentos nas alturas. É um péssimo exemplo das autoridades para com a população. Esse pessoal deve pensar que aqui não acontecerá nunca uma rebelião popular. Lá no Egito demorou mais de 30 anos para Hosni descobrir que a paciência do povo não dura eternamente. 

COHAB

Não se sabe até agora se algum organismo de defesa do patrimônio público está investigando aonde foram áreas de terras da Cohab – reservadas para implantação de projetos habitacionais populares – localizadas em áreas nobres da capital. Uma dessas áreas particularmente acabou dando lugar a um condomínio de luxo, em frente ao maior hospital rondoniense. Ninguém sabe, ainda, como foi feito o tal negócio que, segundo consta, acabou numa permuta altamente lesiva para o patrimônio da companhia. Com a palavra os responsáveis pela defesa da lisura nos negócios das instituições públicas. 

PODE SER

Há quem aposte que o ministro José Antonio Toffoli, do Supremo, deverá se declarar impedido, na hora do julgamento do mensalão. E há quem seja capaz de jurar que o advogado-geral da União, Luis Inácio Adams, só não foi indicado para a Alta Corte, no lugar de Eros Grau, porque também poderia se declarar impedido. 

VACAS MAGRAS

Político sem mandato pega qualquer bóia. O ex-senador Arthur Virgílio, do PSDB amazonense, não foi reeleito. E tenta, para manter-se em evidência, ser o sucessor de Paulo Renato de Souza na Secretaria de Relações Internacionais do PSDB. Arthur Virgilio é diplomata formado. E foi quem ameaçou dar um soco no então presidente Lula. 

DESPACHO

Pelo menos num aspecto o atual governador Confúcio Moura assemelha-se a Jerônimo Santana, fundador do PMDB em Rondônia e histórico ícone do partido. Se o atual governo virou notícia ao socorrer-se de um tal Raimundinho, apontado como forte pai-de-santo, é bom lembrar que coube a Jerônimo colocar no governo esse tipo de “conselheiro”. Entre uma baforada e outra de seu charuto, Santana convocava o “Barbosinha” para receber orientação dos exus e caboclos nas ações de governo. Santana saiu do governo sem fazer o sucessor e vive hoje como um personagem escondido nas brumas, sem a menor significância. 

ADVOGADO

Presidente do Sindicato dos Servidores do Tribunal de Contas, cargo para o qual foi escolhido no final do ano passado, Aldrin Willy Mesquita Taborda prepara-se mais uma jornada acadêmica. Ele vai matricular-se na próxima semana no curso de Direito da Unir. Lá mesmo, na Unir o Aldrin formou-se em Informática. Antes se formou em jornalismo, pela Faro, onde está concluindo, também, uma extensão universitária. É verdadeiramente um moço do qual me orgulho e muito.



Nenhum comentário sobre esta coluna

Mais colunas de Gessi Taborda
Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13


Últimas Matérias
Publicidade: