Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro


 

Porto Velho,  seg,   23/outubro/2017     
COLUNISTA: Carlos Coqueiro

Uma cortina que se abre, de Rui, reúne empresários

10/9/2011 14:19:57
jccoqueiro@yahoo.com.br
 
  

A Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero) e o Instituto Euvaldo Lodi (Iel/RO) promovem no próximo dia 27 de setembro, em Porto Velho, o sarau de lançamento do livro “Jorge Amado – Uma Cortina que se abre”, do escritor Rui Nascimento.

Para este evento os organizadores estão convidando empresários, representantes de instituições de ensino e intelectuais, assim como colaboradores de todas as Casas que compõem o Sistema Fiero.O sarau, que acontece no salão de convenções da Casa da Indústria vai contar com a presença do autor, que vai conversar com os convidados sobre o livro, a amizade com o escritor baiano, cujo centenário será comemorado em 2012. Segundo a organizadora do evento, Roselane Suriano “será uma noite de descontração, música ao vivo, a conversa agradável de Rui Nascimento, com sua prosa irresistível. Temos certeza que o público vai gostar”.

O presidente da Fiero, Denis Baú, ressalta a importância da iniciativa e o empenho da equipe do Iel/RO na realização deste evento literário. “É com muita satisfação que receberemos o Rui Nascimento, que virá para o lançamento do livro de sua autoria. Escrever sobre um dos escritores mais lidos no Brasil e no mundo deve ter sido um desafio e acima de tudo um prazer. Tenho certeza que será uma noite que vai ficar na memória de todos”, disse.

O livro, editado pelo Senai, é um relato inédito de uma fase do escritor que, aos 25 anos, já consagrado, foi confinado no interior de Sergipe pela política do Estado Novo do governo de Getúlio Vargas. Como muitos intelectuais e artistas surgidos na década de 30, Jorge Amado foi um produto típico daquela época de efervescência política. Fez parte do movimento literário pós-modernista, conhecido como o Romance de 30, no qual foi uma de suas maiores expressões. Engajado na luta partidária socialista foi levado várias vezes à prisão.O sergipano Rui Nascimento, amigo da família Amado, assim como toda sua família. Seu pai foi dono de uma famosa livraria em Estância, na época em que se passa a história, e virou personagem de duas conhecidas obras: Gabriela Cravo e Canela e Tereza Batista cansada de guerra.

“Escrevi e publiquei no final de 2007 uma biografia autorizada de Jorge Amado, sobre umas passagens desconhecidas do seu grande público, vividas numa cidade do interior de Sergipe”, afirmou o escritor, que durante anos atuou como superintendente do Sesi Nacional. Hoje, aposentado, vive às voltas com seus livros, curtindo amigos e música e com os dedos coçando para cometer novos escritos, revela Nascimento. Prefaciado por Paloma Amado, a obra de 350 páginas descreve seu “exílio político” em Estância, Sergipe, terra de seu pai, Jorge Amado. Nessa época, impedido de lutar por seus ideais, se distraía promovendo inúmeros eventos culturais. Criou uma biblioteca, escreveu parte de Capitães de Areia – que este ano estreia no cinema - concluiu Mar Morto. Na bagagem de volta trouxe inesquecíveis personagens que povoaram alguns de seus livros, como Gabriela, Tereza Batista e Tieta do Agreste.

Detalhes do cotidiano e da intimidade nesse capítulo da vida do escritor brasileiro só agora poderão ser conferidas na obra “Jorge Amado, uma cortina que se abre”. Segundo Rui, Paloma foi testemunha da grande amizade que uniu João Nascimento, pai de Rui, a Jorge Amado e que remanesce hoje, intocável, entre seus descendentes. Por conta dessa ligação afetiva, uma parte do livro foi reservada para manifestações literárias da época, artigos de Jorge Amado, noticiário da imprensa local sobre suas atividades, correspondência trocadas entre o escritor e o autor do livro. De acordo com Nascimento, fotografias de pessoas e lugares visitados pelo romancista completam o relato, que tem a pretensão de ampliar um ciclo informativo sobre a vida de Jorge Amado na turbulenta década de 1930. “Fiz questão de colocar no livro passagens documentadas, como no caso de relatos e cartas. Não se trata de uma ficção”, explica.



Comentários (2)
Rondônia Urgente

“QUERER É PODER”
QUANDO VOCE DESEJA ALGUMA COISA, ISTO JÁ LHE FOI DADO. JÁ LHE PERTENCE. JÁ É SEU.
USE A DETERMINAÇÃO TRAZENDO A EXISTENCIA O QUE JÁ É SEU.

“A PRENDA A DETERMINAR E A SUA VIDA NUNCA MAIS SERÁ A MESMA”!
“ESTE É UM DOS MAIORES LIVROS DO MUNDO ACERCA DE DETERMINAÇÃO O PENSAMENTO POSITIVO.”
Baixe este livro aqui e agora! Não perca mais tempo!
Preço Simbólico R$ 2.99 cada Exemplar e-book.
http://www.livrariasaraiva.com.br/produto/6985578/determinacao-o-pensamento-positivo/
Leia este livro! vai te ajudar.
“MANUAL DA FELICIDADE CONJUGAL” Autor: EMMANUEL FRANCISCO JUNIOR
http://www.saraiva.com.br/chamam-me-lene-estou-vivendo-um-grande-amor-8211859.html



EMMANUEL FRANCISCO JUNIOR - RIO DE JANEIRO/ RJ.
Enviado em: 26/04/2015 09:13:29  [IP: 186.226.236.***]
Responda a este comentário
poesia em video

http://www.youtube.com/watch?v=ZZzXL5fKeRk&feature=player_detailpage

rozana guilherme - jaboatão/ PE.
Enviado em: 29/5/2012 01:03:15  [IP: 187.78.197.***]
Responda a este comentário

Mais colunas de Carlos Coqueiro
Publicidade: